Biblioteca Pública de Santos Dumont recebe Projeto “Cidadania Digital”
Por Gustavo Sá Fortes
30/05/2014  às 17:33
Postado 30/05/2014  às 17:33

A Biblioteca Pública Municipal “Antenor Ayres Vianna” recebeu um importante projeto de inclusão digital nomeado “Cidadania Digital”.

Projeto

O projeto foi desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura em parceria com a Fundação Arcelor Mittal Brasil, ONG Comitê para Democratização da Informática (CDI) Minas e apoio da ADESAN – Agência de Desenvolvimento de Santos Dumont.

O Projeto Cidadania Digital, que incluiu a construção de duas salas digitais na biblioteca, foi inaugurado na última semana com a presença de autoridades locais, dos representantes da ArcelorMittal Waldenir Luciano de Souza Lima, Diretor de Unidade de Negócios Juiz de Fora, Ricardo Schmidt, Gerente de RH Qualidade e Meio Ambiente, Luana Lourençon, Analista de Comunicação e Juliana Moreira Costa, Analista de Recursos Humanos, e da Coordenadora Executiva da ONG CDI Minas  Rochelane Feitosa, além do Prefeito Municipal Carlos Alberto Ramos de Faria.

O programa visa promover a inclusão utilizando a tecnologia da informação dentro da rede pública de educação atendendo alunos das escolas municipais e estaduais. Nas salas digitais os estudantes receberão aulas de informática básica com iniciação de Windows, Word, Excel, Power Point e Internet e aprenderão a utilizar as ferramentas eletrônicas como editores de texto, planilhas e gerenciador de bancos de dados – para elaborar apresentações, tabular dados e redigir textos, organizando conteúdos gerados a partir de vivências comunitárias, pesquisas e debates sobre a realidade social.

 

Importância para a comunidade e apoio

Durante o evento o Diretor de Unidade de Negócio Waldenir Luciano ressaltou a importância da parceria entre ArcelorMittal e a Prefeitura de Santos Dumont, contribuindo para o sucesso do projeto.

A Coordenadora Executiva da ONG CDI Minas Rochelane explicou que o domínio da tecnologia promove a inclusão digital, com o acesso a fontes de informação e estimula o exercício da cidadania, abrindo novos horizontes para a vida. Segundo ela, o Cidadania Digital foi estruturado em 2007 pela Fundação ArcelorMittal Brasil, com o objetivo de trabalhar a inclusão digital em comunidades de baixa renda, a partir de metodologia desenvolvida pelo CDI que entrou como parceira.

Em sua mensagem, o prefeito, Bebeto Faria, parabenizou o trabalho da Fundação ArcelorMittal que tem investido em atividades culturais e educacionais de grande valor e repercussão para o nosso município, enfatizou as melhorias realizadas na Biblioteca e falou do seu empenho em oferecer oportunidade de uma educação mais adequada aos dias atuais para os alunos das escolas da Prefeitura.

Segundo Rochelane, o curso será ministrado pela educadora Sayonara Escobar da ArcelorMittal durante seis meses, com carga horária de 60 horas e aulas de segunda a quinta feira, nos horários manhã e tarde. A matrícula dos estudantes será feita nas escolas municipais com a intermediação da Secretaria Municipal de Educação.

O  Padre Dione do Córrego do Ouro abençoou as instalações da biblioteca e no encerramento foi servido um café com biscoitos caseiros.

 

Prestigiaram o evento

O evento contou com a presença do presidente da Câmara de Vereadores Flávio Faria, dos secretários Dalton Abud, Rodrigo Corrêa de Sá, Cleyre Maria Calderaro Nagib, Cláudia Rocha Jorge, do ex-prefeito Pacífico Estites Rodrigues, dos funcionários da Biblioteca Municipal Sinoméia, Sônia, Adriana, Solange, Marlise e Peter, do presidente da ACIASD/CDL Jorge Luiz Ferreira Ribeiro, dos vereadores Felipe, José Abud, Cláudio Almeida, João Batista e Valdir, além de autoridades, professores e diretores das escolas do município, e  de representantes de entidades da comunidade sandumonense.

 

 

FONTE:

- ASCOM/PMSD

 

Comentar
© 1997 - 2019 Todos os direitos reservados a Cabangu Internet LTDA.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.
Desenvolvido em Wordpress por Rodrigo Brandão.