Instituto Federal inicia programa Mulheres Mil em Santos Dumont nesta segunda-feira
Por Gustavo Sá Fortes
17/11/2014  às 16:41
Postado 17/11/2014  às 16:41

O Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG) traz outra novidade a Santos Dumont a partir dessa semana . O Grêmio Literário e Recreativo Mário de Lima receberá a aula inaugural do programa Mulheres Mil nesta segunda-feira, 17 de novembro, às 19h. O evento será dedicado às 100 mulheres que se cadastraram em quatro cursos de qualificação profissional. Vinculada ao Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), a iniciativa é resultado de uma parceria entre o Câmpus Santos Dumont do IF e a Prefeitura de Santos Dumont.

O IF local, que já ofertava via Pronatec cursos técnicos e de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Santos Dumont e Bom Jardim de Minas (cidade da mesorregião do Sul e Sudoeste de Minas), agora adere a um programa destinado exclusivamente a mulheres que buscam qualificação. Os cursos do Mulheres Mil no município serão os de Auxiliar Administrativo, Recreador, Recepcionista de Eventos e Salgadeiro. As aulas, noturnas, serão ministradas de segunda a quinta-feira no Quarto Esquadrão de Cavalaria Mecanizado, no Bairro São Sebastião.

Os cursos profissionalizam e complementam estudos. A ideia é promover a autonomia e criar oportunidades no mercado de trabalho para as alunas, que devem estar inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). “O programa é diferente de outras ações do Pronatec, pois, além da capacitação profissional, envolve outras atividades, como elevação de escolaridade (conclusão de Ensino Médio ou Fundamental) e aumento da autoestima, para que as mulheres fiquem mais confiantes”, afirmou a coordenadora adjunta do Pronatec no Câmpus Santos Dumont, Vívian Araújo.

Como não estão restritos à formação técnica, os cursos do programa Mulheres Mil têm duração superior à de outros cursos da modalidade FIC. Os quatro ofertados a partir de segunda-feira pelo Instituto Federal se estendem até julho de 2015. Serão promovidas no ano que vem, por exemplo, aulas dedicadas ao conteúdo de exames para obtenção do certificado de conclusão do Ensino Médio ou Fundamental.

A equipe do programa Mulheres Mil conta com uma supervisora, uma orientadora e sete professores. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Combate às Drogas apoia a iniciativa.

 

FONTE:

- Daniel dos Santos Leite (Jornalista do IF Sudeste MG – Câmpus Santos Dumont)

Comentar
© 1997 - 2017 Todos os direitos reservados a Cabangu Internet LTDA.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.
Desenvolvido em Wordpress por Rodrigo Brandão.